Dóceis, curiosos e inteligentes

Coelhos tem hábitos silenciosos e ocupam pouco espaço, ideal para quem mora em apartamento

Que tal abrir seus horizontes e considerar ter um pet menos convencional, como um coelho de estimação? Aproveite que estamos na época da Páscoa e um coelhinho de verdade é um ótimo presente. Mas como todos sabem, é preciso ter responsabilidade e cuidar bem do bichinho.

Não há uma única raça de coelho de estimação e atualmente são reconhecidas mais de 45 raças, entre pequenas, médias e de grande porte. Isso significa que, na hora de levar um orelhudo para casa, é possível optar por desde um pequenino, como o Mini Hotot, até um maior, como o Coelho Europeu. Isso sem contar que existem coelhos de pelo curto, de pelo longo, com orelhas para cima, para baixo e muito mais!

Eles podem viver muito bem em um cercado ou em uma gaiola, principalmente nos casos em que passam bastante tempo sem supervisão ou dividem a casa com outros pets. Vale ressaltar, no entanto, que a gaiola deve ter espaço suficiente para que ele possa brincar e se movimentar. Além disso, é importante soltá-lo diariamente para brincar sempre que você estiver em casa, de preferência por longos períodos de tempo.



Os coelhos ainda não possuem vacinas aprovadas no Brasil, mas isso não quer dizer que você possa descuidar da saúde desses pets. É recomendável levá-los ao veterinário de seis em seis meses para um check-up. Também é preciso ficar atento à vermifugação e à castração, que ajuda a prevenir doenças que vão desde tumores até a gravidez psicológica nas fêmeas.

Eles são independentes e conseguem passar longos períodos do dia por conta própria. Isso, claro, desde que tenham condições adequadas para tanto, com acessórios para coelhos de estimação tais como uma gaiola equipada com bebedouro, comedouro, feno, brinquedos e até um banheirinho, já que eles podem aprender a fazer suas necessidades em um único lugar. Além disso, os coelhos também se encarregam do próprio banho, embora seja recomendado escová-los com frequência para remover restos de fezes, poeira e até mesmo nós.

Eles são muito carinhosos e se apegam facilmente aos donos, respondendo aos seus chamados, podendo passar um bom tempo no colo, recebendo chamegos ou até tirando uma soneca.

Fonte: BlogPetz


Da Redação

© 2018 por Agência Blue Com. & Mkt. www.agenciabluecom.com